Desconheço quem na vida não sofre por dizer o que pensa, e fazer o que gosta... Claro que te darão as costas, por que o mais comôdo e aceitável, é permanecer dentro da ciranda deles, dentro daquilo que eles rotularam, e aí de quem não andar na linha do "trem" deles!

Rosângela Cunha

16 de mai de 2010

Eu só sei amar!



Meu coração é para aqueles que como eu
se dão, se entregam, se solidarizam...
Meu coração só cabe em corações
doces, meigos, carinhosos, e que amam!
Meu coração só sabe amar, amar e amar!


Rosângela Cunha



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Só conheço uma liberdade,
e essa é a liberdade
do pensamento.

Antoine de Saint-Exupéry