Desconheço quem na vida não sofre por dizer o que pensa, e fazer o que gosta... Claro que te darão as costas, por que o mais comôdo e aceitável, é permanecer dentro da ciranda deles, dentro daquilo que eles rotularam, e aí de quem não andar na linha do "trem" deles!

Rosângela Cunha

20 de abr de 2010

Falando cedinho com "ELE", amém!


Por não fingir,
por não fugir,
por não desistir,
por SER eu mesma,
que preço alto, meu "rei"!


[...]


Mas foi assim
que "você" me fez,
e eu não sei viver
de outro jeito,
que não não seja do meu jeito


[...]


Gemendo e cantando,
seguro a onda que vier,
tenho dias leves
alguns pesados,
mas todos indispensáveis


[...]


Ás vezes dói nos ombros
carregar tanto cansaço,
mas minha alma foi construída
com tanto amor,
que qualquer dor cura bem rapidinho

[...]

Mas se me fizestes assim
sabia que eu podia carregar
a "bagagem" que pintasse,
e que "bagagens",
meu "rei"!


[...]


Mas eu não reclamo:
quanto maior o caminho,
melhor ainda o caminhar...
Não existe nada melhor
do que nadar, nadar, nadar...
E atravessar os "rios" sem se afogar!


[...]


Pois bem, meu "rei",
fique contente:
sou forte, não sou desistente
topo qualquer parada,
sou doida, mas sou "resistente"!


Rosângela Cunha
.

4 comentários:

  1. Eu tenho certeza de uma coisa, minha linda...

    que não temos e nem recebos nunca uma cruz maior e mais pesada do que a que podemos carregar...

    E na verdade...qual graça tería esta vida, se não fossem estes obstáculos que temos de superar????

    beijos com todo meu carinho!

    Amo seu blog!Amo mesmo!!!

    Bia

    ResponderExcluir
  2. Adorei! Força que a gente encontra nele.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. "Dói nos ombros
    carregar tanto cansaço,
    mas é na alma
    que o peso é maior"

    Você é uma poetisa. :)
    Amei. De verdade.

    Beijos querida,
    :*

    ResponderExcluir
  4. muito bonito parabens ... beijo do gordo nao e grande coisa mais e de coraçao ficou lindo

    ResponderExcluir

Só conheço uma liberdade,
e essa é a liberdade
do pensamento.

Antoine de Saint-Exupéry