Desconheço quem na vida não sofre por dizer o que pensa, e fazer o que gosta... Claro que te darão as costas, por que o mais comôdo e aceitável, é permanecer dentro da ciranda deles, dentro daquilo que eles rotularam, e aí de quem não andar na linha do "trem" deles!

Rosângela Cunha

30 de mar de 2010

A gente só aprende aos "trancos" mesmo... Mas APRENDE!


Tenho aprendido na dureza mesmo, sem ser contaminada pela frieza dos corações gelados que "congestionam" os meus caminhos, que não adianta "enlouquecer" de um lado para o outro, quando as coisas não acontecem da forma que desejamos. Para mim tudo sempre foi muito batalhado, muito sofrido, muito perseguido, e até chegar a um certo nível de precisão daquilo que busco, o caminho é árduo e espinhoso, mas felizmente sempre acontece uma coisa boa que se sobressai, e dessa forma colho alguns frutos compensadores que fazem valer a pena essa busca. Não é fácil seguir o rumo das estrelas, quando se tem pela frente paredes escuras tentando lhe tirar a visão, e com isso lhe impedindo de prosseguir a viagem que lhe fora permitida, e que por direito lhe pertence... Por essa razão é que eu enfrento, e continuo por esse percurso infinito que me "e"levará para os lugares que desejo encontrar. Sempre encontro, felizmente! Caso contrário eu viveria estacionada no mesmo lugar dos que não buscam, e só lhes restam à frieza bruta no olhar. Rosângela Cunha

5 comentários:

  1. O ruim é quando não aprendemos a enxergar quando os trancos são mais barrancos do que qualquer encontrões... sei lá.

    até mais.

    Jota Cê

    ResponderExcluir
  2. Menina linda e querida do meu coração,

    Você sempre, mas sempre, sempre mesmo, me emociona.

    Um encanto de mulher!

    Beijo do tamanho do meu carinho.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  3. Olá flooor , muito obrigada MESMO por visitar , por comentar e por seguir.
    me identifiquei muito contigo , também quero viver muito ainda, quero tudo, tudo mesmo, as pessoas me perguntam se eu tenho medo de morrer, frequentemente eu respondo : eu só tenho medo de esquecer de viver alguma coisa. vou seguir e voltar sempre , concerteza , beijos , boa semana .(:

    ResponderExcluir
  4. Também estou te seguindo e gostando muito do que você escreve.
    Um beijo
    Denise

    ResponderExcluir
  5. Eu parei, li, reli e me encontrei tanto nisso aqui Rosângela.
    Muito, mas muito lindo aqui!
    Posso ficar?

    Um abraço enormeeeeee!

    ResponderExcluir

Só conheço uma liberdade,
e essa é a liberdade
do pensamento.

Antoine de Saint-Exupéry